22/10/2008

Nos auditórios do Ego!

O Espelho!!!
Este insensivel verme que acorrenta minhas dádivas.
roedor dar minhas unhas encravadas,dos meus cabelos despenteados,da minha pele ressecada e de meu nariz em resfriado!

Úlceras!!
amnésia ensurdeçedora dos projéteis chamados frustrações
são ratos,rasgam os sacos dos pães,róem os posteres dos meus pseudo heróis

Traqueostomia!!
vingativa epiderme,controlando meus passos,rompendo meus alicerces
levantando lá em cima minhas disfunções emocionais!

@
Auto engano possessivo
desfrutando do idilio,mascarando a tortura
encenando a ruptura de um contexto aminoácido
transbordando da resina,plenitude da cacofonia
leçionando as angustias derivadas,comprimidas,refens asfixiadas
interrompem meu acesso enfurecida,emocionam meu sentido confundido
ao que chamo de mentira rotatória

GRADES..GRADES
Não..as cortinas me sufocam
cortes,botões,ziperes,velcros
não!

a 5° página revela o abismo!

Um comentário:

Jóta disse...

Demais... Sem palavras..

http://umserassim.blogspot.com